Casamento no cartório

Os noivos ao escolherem a cerimônia de casamento têm as seguintes opções:

Casamento civil + religioso (quando os noivos casam no cartório e fazem também a cerimônia religiosa)

Casamento em diligência  (é quando os noivos optam por realizar a cerimônia fora do cartório)
Quando os noivos realizam o casamento religioso com efeito civil, antes da cerimônia eles entregam a habilitação do casamento para a autoridade religiosa. Após a cerimônia o casal tem 90 dias para comparecer ao cartório e registrar o casamento.

Casamento religioso - É possível casar primeiro no religioso e após a cerimônia registrar o casamento no civil apresentando os documentos e a firma da autoridade religiosa que realizou o casório.




Casando no cartório
Os noivos que desejam casar devem se dirigir ao cartório mais próximo a sua casa com os seguintes documentos:

Os solteiros devem apresentar RG, certidão de nascimento atualizada e comprovante de residência.
Os divorciados além do RG devem apresentar a certidão de casamento com averbacão de divórcio original e a respectiva homologação do juiz de família

Para que os trâmites sejam realizados, você paga um valor que vai variar de acordo ao seu Estado/cidade. Esse gasto é referente a:

  • Atestado das testemunhas e habilitação de casamento
  • Reconhecimento de firma dos noivos e testemunhas
  • Autenticação dos documentos
  • Anuncio do casamento a sociedade (divulgado por meio de edital)

Você sabia que se uma pessoa tiver alguma coisa contra o casamento ela pode se manifestar em um prazo de 15 dias, após a publicação no Diário do Poder Judiciário?

Se o (a) juiz (a) não encontrar nenhuma irregularidade, aí pronto, a cerimônia pode ser realizada.

Muitos noivinhos optam por casar apenas em cartório, para economizar, ou por algum outro motivo... O casamento é celebrado dentro das dependências do cartório de forma pública, por isso as portas permanecem abertas durante toda a cerimônia. No dia, o (a) Juiz (a) e o (a) Escrevente Autorizado (a) chamam os noivos e as duas testemunhas (padrinhos) para que o casamento seja então realizado.
Após ter ouvido o “sim” dos pombinhos de se casarem por livre e espontânea vontade, o (a) Juiz (a) declarará efetuado o casamento civil. Depois, os noivos e as testemunhas assinarão os termos e em seguida, o casal recebe das mãos do (a) juiz (a) a Certidão de Casamento.

E foram felizes para sempre...

Comentários

  1. Eu fiz a minha no cartorio, separado do religioso e achei ótimo.
    Afinal, foram 2 dias de festa..rs

    Bjus

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah que massa Ca! Nada melhor que duas festas! rsrsrs

      Beijoos

      Excluir
  2. Rê, e quanto ao sobrenome... as leis variam com o tempo? Por exemplo, se quero tirar meu último sobre nome e adicionar o do meu noivo. Você sabe de alguma coisa sobre?
    Beijão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Brú, sobre isso não sei como está. Procurei na internet e vi assim:

      "A mulher, por ocasião do casamento civil, pode adotar o sobrenome do marido ou continuar com o mesmo nome de solteira, a sua escolha e o mesmo vale do marido em relação a mulher.
      As regras para suprimir nomes intermediários e/ou sobrenome dependem de análise e aprovação do Promotor Público no processo de habilitação para o casamento."

      Vou procurar saber de uma amiga que casou recente e te explico melhor! Beijos.

      Excluir
  3. ai RÊ não vejo a hora de chegar minha vez kkkkkss apesar de já mora juntos vamos oficializar em breve...xeru da Rose

    ResponderExcluir
  4. Re, como a grana era pouca e na época q casei tinha uma data p/ o civil e uma beeeem depois p/ o religioso. Como era final de ano tds as noivas queriam se casar aki onde moro e tbm tinha a data de parentes q viriam de longe case...olha q loucura..no dia 8/11 no civil e 20/12 no religioso kkkkkk.
    Mas td bem foram duas festas.
    Só eu mesmo com minhas histórias de casamento maluco.
    Bjks.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah pelos menos foram duas festas Cíntia! Isso é bem legal!!

      Beijoos

      Excluir
  5. Boas dicas!
    Eu pretendo casar no civil e no local da festa fazer tipo uma cerimônia religiosa, sai bem mais barato!

    Ah sim, o buquê que fizemos é de feltro ;)

    Ah vc já está participando do nosso sorteio? Vale brindes da nossa loja!
    Outra coisa, topa parceria?


    Bjss
    http://bruhworspite.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É Bruh, sai mais em conta mesmo...

      Estou participando sim! Obrigada pelo convite. Parcerias são sempre boas!
      Beijoo

      Excluir
  6. Essa noiva na foto é você?
    Não é bem um sonho, mais a vontade de casar vem crescendo no meu coração :/ só que essas coisas tem que ser com a pessoa certa e tals.. fico chatiada um pouco por saber que pode demorar muuuito ainda.. Mais tenho fé que terei um casamento liendo, digno de uma princesa que eu sou kkk
    http://bunnets.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi flor,
      na hora certa, a pessoa certa chega!

      Ah, não sou eu na foto não... Ainda vou casar.

      Beijoos

      Excluir
  7. Tenho dúvida em relação a quantidade de testemunhas, se podem ser mãe, pai etc.
    Amei o post

    ResponderExcluir
  8. Ah tenho dúvida sobre as testemunhas, podem ser quantas? E pode ser parente? Mãe, pai etc.
    Amei o post

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas